Notícias

Primeira sessão por videoconferência da história do Tribunal Pleno é realizada no Poder Judiciário de Roraima

 

Diversas matérias administrativas foram tratadas durante a sessão. Entre elas, o retorno da distribuição dos recursos para o tribunal, mesmo durante o período de plantão extraordinário.
 


Fotos: Orib Ziedson

Tela de computador em que aparecem os desembargadores e desembargadoras durante sessão virutal do Tribunal do Pleno.

A sessão foi realizada na manhã desta quarta-feira, dia 1º de abril. 

 

A manhã desta quarta-feira, dia 1º de abril, foi marcada por mais um fato histórico na trajetória do TJRR (Tribunal de Justiça de Roraima). Por ocasião das medidas de prevenção ao Coronavírus (Covid-19), o Tribunal Pleno do Poder Judiciário de Roraima, composto por todos os desembargadores da Justiça Estadual, reuniu-se em uma sessão realizada por videoconferência.
 
A reunião nestes moldes foi possibilitada pela tecnologia do próprio TJRR, que já vem atuando por meio de salas virtuais para a realização de videoconferências em todas as Comarcas do Estado de Roraima. O sistema Scriba controla a realizacao de audiencias e utiliza inteligencia artificial, razão pela qual tem despertado o interesse de outros tribunais.
 
Presidente do TJRR, desembargador Mozarildo Cavalcanti, conduzindo a sessão virtual  do gabinete.

 

O presidente do TJRR, desembargador Mozarildo Cavalcanti, que conduziu a sessão, avaliou positivamente o acontecimento, pois mesmo em um momento de adversidade como esse, em que é preciso ter mais responsabilidade com a vida de todos, o tribunal vem mostrando capacidade de seguir trabalhando sem prejudicar o andamento das ações que tramitam no judiciário.

 
“Sempre defendemos os investimentos em tecnologia e em inteligência artificial. Atualmente, estamos cada vez mais focados nisso, pois sabemos que é uma das alternativas mais viáveis, em termos econômicos e de celeridade, para prestar o melhor atendimento à população. Agora estamos fazendo história, não paralisando nossos trabalhos durante a pandemia e realizando importantes ações, como a posse de uma nova juíza para os quadros da Justiça Estadual, como ocorreu nesta última terça-feira, além da sessão do Pleno de hoje”, comentou.
 
PLENO - Ao Tribunal Pleno compete processar e julgar matérias das competências previstas no Regimento Interno do Tribunal, além de desempenhar as funções de administração institucional do Poder Judiciário. 
 
O pleno é composto por todos os desembargadores e é dirigido pelo Presidente do Tribunal de Justiça de Roraima. As pautas tiveram apreciação iniciada no mês de fevereiro e seguem sem interrupção ate dezembro,