Ícone que leva para o Fale Conosco Ícone que leva para informações de Telefones Ícone que leva para Ouvidoria Ícone que leva para endereços, telefones e e-mails das Comarcas Ícone que leva para o Portal Transparência

 

IX Semana Justiça pela Paz em Casa: Juíza profere palestra para profissionais da beleza

 

 

 

A juíza Maria Aparecida Cury, coordenadora estadual da mulher em situação de violência doméstica e familiar do TJRR, proferiu palestra educativa sobre os direitos da mulher, os diversos tipos de violência contra a mulher e a Lei Maria da Penha para profissionais da beleza do Salão Studio N, no Bairro São Pedro, na tarde de ontem (21). A ação faz parte da IX Semana da Campanha Justiça pela Paz em Casa.


A magistrada agradeceu o apoio da equipe do salão e a presença dos profissionais, e iniciou a palestra destacando a campanha de trabalho desta edição que trata da temática. “A Violência deve ser denunciada, não maquiada!” “O que a gente quer é transmitir para as mulheres que a violência contra a mulher é um crime. O homem não tem que agredir uma mulher só porque ela é mulher”, pontou.

Ainda conforme a magistrada, são muitos os tipos de violência que as mulheres sofrem pelo simples fato de ser mulher. “A violência psicológica, por exemplo, que muitas vezes se torna maior que a física e traz muitos prejuízos para a saúde mental da mulher. Por isso, estamos divulgando e conscientizando por meio da campanha de que não se deve maquiar a violência. A mulher não precisa ficar no ciclo de violência, pois existem possibilidades de saída e proteção para as vítimas de violência doméstica e familiar”, concluiu.


Nívea Gonçalves, administradora, do salão Studio N, destacou a importância da palestra. “Hoje a nossa equipe, a maioria é composta por mulheres. Então, o acesso a essas informações faz toda a diferença na sua relação familiar. Além disso, elas poderão multiplicar esses conhecimentos para outras mulheres.”


A programação da semana segue até o dia (24) com visitas da juíza Maria Aparecida Cury por vários salões de beleza da capital abordando a campanha. Além da distribuição de material informativo e esclarecimentos sobre as medidas que a Lei Maria da Penha protege para conter a violência contra a mulher.

 

Foto: Antonio Diniz

 

*Informações Coordenadoria Estadual da Mulher/TJRR

 

Boa Vista, 22 de novembro de 2017

 

 

Núcleo de Comunicação e Relações Institucionais - NUCRI